Em

Cidades

DNIT prevê investimento de R$ 2 bilhões nas rodovias do RN em 2014

"Com todas obras previstas já estamos com recursos na ordem de R$ 2 bilhões somente para o Rio Grande do Norte”, afirmou Fraxe.


Por Júlio Rocha

O Rio Grande do Norte terá investimentos na ordem de R$ 2 bilhões para obras em rodovias federais que cortam o Estado em 2014. A informação foi confirmada ao portalnoar.com na manhã desta quarta-feira pelo diretor do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), general Jorge Ernesto Pinto Fraxe.

“O Estado foi beneficiado com importantes decisões da presidente Dilma que virá assinar no dia 23 as obras de duplicação da BR-304 com investimento de mais de R$ 230 milhões, além de estarmos em processo de licitação para execução de obras no Gancho de Igapó e na duplicação da BR-101. Com todas obras previstas já estamos com recursos na ordem de R$ 2 bilhões somente para o Rio Grande do Norte”, afirmou Fraxe.

Ainda de acordo com o diretor do DNIT, os projetos que permitirão a melhoria do fluxo de tráfego nas rodovias irão beneficiar a circulação de riquezas e a competitividade do Estado. “Estamos desenvolvendo o programa de manutenção das rodovias eliminando os buracos e também para retirarmos as lombadas e gradativamente os semáforos das BRs, o que é inconcebível”, explicou o general.

Ainda de acordo com o diretor do DNIT, os projetos que permitirão a melhoria do fluxo de tráfego nas rodovias (FOto: Claudio Abdon)
Ainda de acordo com o diretor do DNIT, os projetos que permitirão a melhoria do fluxo de tráfego nas rodovias (Foto: Claudio Abdon)

No próximo dia 23 será assinada a ordem de serviço para a duplicação da BR-304, a partir da Reta Tabajara, que contempla ainda oito viadutos e marginais, em obras orçadas em R$ 233 milhões com início a partir de fevereiro.

Para a BR-101 estão previstas obras desde o início do viaduto de Ponta Negra com construção de viadutos de acesso à Neópolis e Nova Parnamirim, além de Emaús. Para a Zona Norte está em processo a licitação das obras da Ponte de Igapó, contemplando também obras para desafogar o trânsito no Gancho de Igapó que também deve ser executado durante o ano.

“Vamos melhorar o fluxo a partir da Ponte de Igapó, como também viadutos para desafogar o grande fluxo de trânsito daquela região”, garantiu Jorge Fraxe destacando que obras de manutenção na rodovia continuam.

Atualizado em 15 de janeiro às 09:23


Comentários